src="https://cdnjs.cloudflare.com/ajax/libs/reading-time/2.0.0/readingTime.min.js

Viver reclamando da vida pode fazer muito mal ao cérebro

Reading Time: ( Word Count: )

As reclamações constantes fazem o cérebro encurtar e propagar os pensamentos negativos

reclamar-1
(Foto: divulgação)
Sabe aquelas pessoas que vivem reclamando da vida? Elas nem imaginam que isso pode afetar e prejudicar o cérebro. Quem assegura isso é o cientista e filósofo Steven Parton, que publicou um estudo no Curious Apes, afirmando que esses pensamentos negativos e reclamações afetam o organismo muito mais do que se pode imaginar.
Isso acontece porque quando o indivíduo reclama em demasia, uma sinapse que é responsável por transmitir informações de uma célula para outra no cérebro, faz uma espécie de “ponte” com outra sinapse, e nessa ponte que passa a informação negativa.
Ou seja, quanto mais a pessoa reclama da vida, mais o cérebro vai encurtar e facilitar que esse tipo de pensamento se propague. “O problema é que o ‘reclamão’ passa a ser desmotivada e sempre para baixo”, ressalta Parton.
“Se você está sempre reclamando e menospreza o seu próprio poder sobre a realidade, você não pensa que tem o poder de mudar. E assim, você nunca vai mudar“, finaliza o cientista.

aprendaviver

Related Posts

Comments

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

google-site-verification: googlee73cd655be624699.html